Redução de frota em linhas da EMTU segue em ao menos 9 cidades

Redução de frota em linhas da EMTU segue em ao menos 9 cidades

Ônibus andam mais cheios desde o início da semana após redução na frota de algumas linhas da EMTU. Foto Natan C.

A redução de frota que atinge linhas da EMTU nesta semana segue ocorrendo em ao menos seis cidades da Grande São Paulo. Ela ocorre desde as primeiras horas de segunda-feira, quando o corte atingiu várias regiões. O movimento acontece devido aos últimos aumentos no preço do diesel.

De acordo com os relatos que apuramos, seguem com menos ônibus parte das cidades de Arujá, Guarulhos, Cajamar, Santana de Parnaíba, Osasco, Barueri, Caieiras, Franco da Rocha e Francisco Morato. Apuramos ainda que a situação está mais estável em Taboão da Serra e Juquitiba.

A medida adotada por companhias operadoras de linhas da EMTU na Grande São Paulo veio após o novo aumento no preço do diesel, comunicado pela Petrobras. O composto subiu mais de 8% no fim da última semana. De acordo com apuração feita pelo G1, o insumos já acumula alta de mais de 40% somente esse ano.

Por outro lado, a receita do sistema de ônibus paulista sofreu quedas ao longo da pandemia de COVID-19. Isso ocorreu por conta da diminuição de passageiros transportados desde a chegada da doença. Além disso, o governo do estado não liberou verbas para cobrir o rombo, como fizeram algumas cidades. Com isso, as empresas alegam dificuldades para adquirir o combustível e seguir com a operação habitual.

Em nota, a EMTU diz que não autorizou a redução e que vai multar as empresas que operarem com menos ônibus do que o programado.


Já conhece todos os canais do portal Linhas Metropolitanas? Não? Então, saiba que nossa rede se estende pelo Facebook, Twitter, Instagram e YouTube! Clique/toque aqui e siga-nos nas redes sociais!

Compartilhe esta notícia:
Allef

Allef

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.