Linhas da EMTU operaram com menos ônibus e enfrentaram problemas

Linhas da EMTU operaram com menos ônibus e enfrentaram problemas

Diversas linhas da EMTU operaram com menos ônibus e horários de fins de semana nos últimos dias, que marcaram as datas de Carnaval. Dado o ponto facultativo, a EMTU autorizou uma redução de frota nas linhas. Isso acabou gerando reclamações em parte dos usuários do sistema.

Um caso mais grave aconteceu na linha 422, que liga Itapevi à Estação Butantã, em São Paulo, passando por Cotia. De acordo com relatos de passageiros, que escreveram à rádio “Toque da Cidade”, houve uma confusão em um dos ônibus da linha devido à superlotação na última terça. Eles disseram ainda que o ônibus teve que deixar de pegar passageiros no trajeto, dada sua lotação.

Além disso, uma testemunha relata que um usuário ameaçou agredir o motorista, o que fez com que ele diminuísse a velocidade do ônibus. Isso gerou protesto dos demais passageiros. Com a confusão, ao passar em uma lombada, o ônibus bateu a traseira nela. De acordo com o relato, uma mulher acabou tendo uma lesão nas costas. O motorista então parou o veículo e acionou um fiscal da empresa. Foi preciso também a intervenção do SAMU.

Mais problemas

Outras regiões também receberam reclamações quanto à operação. Somente nesta quarta-feira, data em que a EMTU afirmou que os ônibus circularam com horários de sábado, passageiros relataram superlotação em linhas como a 311, que opera na região do Alto Tietê, 237, 343 e 510, que operam na região de Embu das Artes e Itapecerica da Serra.

Um deles, que reclamou sobre as filas formadas no Terminal Capão Redondo, alegou que tentou ligar no SAC do Consórcio Intervias, mas sem sucesso. “[O SAC] também não está funcionando. Reclamar com quem? EMTU tem que tomar providência, não é de hoje que reclamo.”, disse ele, ao postar uma foto de um totem com o telefone do consórcio. Outra reclamação, encaminhada ao nosso portal, mostra superlotação em um ônibus que liga o bairro de Pinheiros, em São Paulo, ao Jd. Vazame, em Embu das Artes.” Só tem três ônibus rodando, com uma demanda nesse nível”, disse o passageiro.

Além disso, no Alto Tietê, uma usuária se queixou do tempo de espera por um ônibus da linha que liga Mogi das Cruzes a Salesópolis. Ela relata que teve problemas tanto na ida ao trabalho quanto na volta, durante esta quarta. “No ponto desde as 6h40, são 7:15 e nada de passar um ônibus”, relatou. De acordo com ela, deveria haver um ônibus às 6h40. Ela conta ainda que, na volta, mesmo saindo mais cedo para pegar um ônibus que sairia às 18h,teve que aguardar por 40 minutos para embarcar. “Fui informada que estaria funcionando em horário de sábado, pra ir embora olhei no horário e era para passar um 18hrs, estava no ponto desde as 17:55 e o ônibus foi passar só agora, 18:40”, relatou.

A EMTU informou que fez um acompanhamento operacional nas linhas da região de Biritiba e Salesópolis durante esta quarta.

Fique por dentro!

Já conhece todos os canais do portal Linhas Metropolitanas? Não? Então, saiba que nossa rede se estende pelo Facebook, Twitter, Instagram e YouTube! Clique/toque aqui e siga-nos nas redes sociais!

Compartilhe esta notícia:
Allef

Allef

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.