Linha intermunicipal da região do Haroldo Veloso não deve voltar após fim da pandemia

Linha intermunicipal da região do Haroldo Veloso não deve voltar após fim da pandemia


A linha 593, que liga o bairro Haroldo Veloso, em Guarulhos, à estação Brás do Metrô, deve ter suas operações canceladas definitivamente dentro de alguns meses. A solicitação de cancelamento já está tramitando pela Secretaria de Transportes Metropolitanos (STM) e já recebeu opinião favorável ao corte por parte da Comissão de Transporte Coletivo Regular da Grande São Paulo, grupo que faz parte desta secretaria.

Atualmente, essa linha está temporariamente paralisada por conta da pandemia de COVID-19 e do período de quarentena pelo qual passa o estado de São Paulo. Antes disso tudo, em meados de 2019, ela operava com cinco partidas em cada sentido nos dias úteis e quatro aos sábados. Segundo a secretaria, o motivo do pedido de cancelamento definitivo é o surgimento de novas opções de transporte para a região do Brás, com integrações tarifárias promovidas pelo Consórcio Internorte, que reúne as empresas que operam as linhas intermunicipais da região.

Os moradores do Haroldo Veloso contam também com a linha 096 para de deslocarem até a Estação Brás. A diferença entre as duas é que a 096 segue direto pela Dutra, acessando-a pelo Posto Sakamoto, enquanto a linha 593 passava pela Av. Papa João Paulo II e atendia o Jd. Cumbica, tanto na ida quanto na volta.

Com o possível fim da 593, a opção para os moradores da região do Jd. Cumbica são as linhas 137 (Guarulhos/Jd. Fortaleza X São Paulo/Metrô Armênia) + a linha 096, que têm integração tarifária entre si a um custo de, aproximadamente, R$7,50. Porém, esta acaba sendo uma opção apenas no sentido Guarulhos (para quem vem de São Paulo), já que a linha 137 passa por dentro do Jd. Cumbica apenas na volta. No sentido São Paulo, o jeito é descer até a Dutra.

Compartilhe esta notícia:
Allef

Allef

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.