Deputado e prefeitos se reúnem com secretário para pedir volta de linhas

Foto: André do Prado/Divulgação

Na tarde da última quinta-feira (25), os prefeitos das cidades de Poá, Gian Lopes, e Guararema, Adriano Leite (que é o presidente do CONDEMAT, consórcio que reúne os municípios da região do Alto Tietê) e o deputado estadual André do Prado se reuniram com o Secretário de Transportes Metropolitanos, Alexandre Baldy, para pedir a volta de, segundo eles, dez linhas intermunicipais que foram canceladas na região, em cumprimento à portaria n°074, da Secretaria Municipal de Mobilidade e Transportes da capital. A vereadora Adriana do Hospital, de Itaquaquecetuba, também participou da reunião.

“A falta dessas opções de transporte tem causado grande transtorno aos moradores da região, que precisam se deslocar diariamente para São Paulo. Essa medida obriga os usuários a utilizarem mais dois ou três conduções, aumentando o tempo de viagem e o gasto com o transporte.”, comentou o deputado.

Segundo ele, o secretário se comprometeu a entrar em um novo diálogo com a administração municipal de São Paulo para buscar uma solução para a volta das linhas. Recentemente, Edson Caram, que era o então secretario de transportes da capital e quem assinou a portaria que extinguiu a autorização de diversas linhas intermunicipais de passarem em São Paulo, deixou o cargo, dando lugar a Elisabete França, nome escolhido pela gestão Covas.

O próprio CONDEMAT já havia enviado um oficio ao governo do estado questionando a paralisação de linhas no Alto Tietê.

Passageiros e entidades entram no caso

Diversos movimentos da sociedade civil têm se envolvido na luta pela volta das linhas retiradas. Só no site change.org, que é especializado na hospedagem de petições online, ao menos sete documentos já foram criados por moradores das regiões de Guarulhos, Alto Tietê, Taboão da Serra e Embu-Guaçu.

O morador de Embu-Guaçu Pedro Miguel, que também detêm uma página regional no Facebook, a “Embu-Guaçu Oficiosa”, participou de uma reportagem da TV Globo sobre o fim da linha 009, que ligava Embu-Guaçu ao bairro de Santo Amaro passando pela região da Av. Guarapiranga, que não conta com outras linhas intermunicipais, e tampouco com linhas de Metrô. A emissora tem tocado bastante no assunto em seus programas jornalísticos locais (SPTV e Bom dia SP). “(…) Se [o passageiro de Embu-Guaçu] precisar descer na [Avenida] M’Boi Mirim, ela não vai conseguir ter esse acesso, ela vai precisar pagar outra passagem (…)”, disse pedro na entrevista.

Alem do CONDEMAT, o CONISUD, entidade que reúne as cidades da chamada “Área 1” da EMTU (na qual o Consórcio Intervias e as empresas ligadas a ele operam as linhas intermunicipais), que ficam na região Sudoeste da Grande São Paulo, já havia enviado um oficio ao Secretário Executivo da STM (Secretaria de Transportes Metropolitanos), Paulo José Galli, pedindo que não haja a retirada de linhas intermunicipais, sobretudo durante a pandemia de Coronavirus. Essa região perdeu três linhas intermunicipais e teve uma encurtada.

O Ministério Público de São Paulo também já entrou na causa. Já foi instaurado por promotores inquéritos civis para apurar a retirada de linhas. Um deles mesmo trata especificamente das linhas 009 e 282, e vai verificar possíveis aumento de custos e tempos de deslocamento, por exemplo.

Vai comprar alguma coisa nas Lojas Americanas? Clique aqui para utilizar nosso link e nos ajudar a manter as atividades!


Compartilhe esta notícia:

1 thought on “Deputado e prefeitos se reúnem com secretário para pedir volta de linhas

Leave comment

Your email address will not be published. Required fields are marked with *.