Moradores de Juquitiba criam petição online para volta de cobradores

Moradores de Juquitiba criam petição online para volta de cobradores

Moradores de Juquitiba, cidade que faz parte da Grande São Paulo, mas que fica a 77km do centro da Capital, criaram um abaixo-assinado em um site de petições online pedindo a volta de cobradores de ônibus em linhas que ligam a cidade à Itapecerica da Serra.

Entre outros motivos, o(s) autor(es) alega(m) que a falta do profissional acarreta em maior tempo de parada dos coletivos, pois o motorista precisa cobrar a tarifa dos pagantes em dinheiro antes de prosseguir viagem. Para ele(s), a segurança também estaria comprometida em relação a assaltos e acidentes nos casos em que há a cobrança com o coletivo em movimento.

No momento da postagem desta notícia, 178 pessoas haviam assinado a petição. “Cobradores são necessários para a segurança dos passageiros principalmente nas rodovias federais”, disse uma delas. “Um trajeto que costumava durar 1:40 está levando 2:18, sem falar na falta de segurança. Cobradores precisam voltar”, disse outra.

Segundo a EMTU, a presença de cobradores em algumas linhas é facultativa, desde que atendam a critérios estabelecidos em contratos de concessão. “(…) para as linhas metropolitanas comuns cujo Índice de Passageiros Pagantes em Dinheiro por Quilômetro for igual ou menor a 1,a figura do cobrador é facultativa.”, diz a empresa.

Leia também: Miracatiba foi a empresa mais multada do Consórcio Intervias em 2019

Veja a petição tocando aqui.

Compartilhe esta notícia:
Allef

Allef

2 comentários sobre “Moradores de Juquitiba criam petição online para volta de cobradores

  1. Concordo plenamente com a volta dos cobradores nós ônibus das linhas de Juquitiba a valo velho, pois a dupla função dos motoristas é perigoso e causa demora ainda maior na viagem, transtorno para nós que precisamos chegar ao trabalho.

    1. Concordo plenamente, não só nesta linha mais em todas
      Sem cobrador está atrasando o trabalhador q paga caro pelo transporte público

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.