Encurtamento da linha 350 é aprovado na Secretaria dos Transportes Metropolitanos


Foto: Arquivo

Em breve, as linhas 350TRO e 350BI1 deixarão de atender as regiões da Lapa e Barra Funda, e terão seus terminais secundários alterados para o Terminal Vila Yara, na divisa de Osasco com São Paulo, de acordo com publicação no Diário Oficial. A alteração faz parte de um plano de reorganização das linhas da área 2 (Osasco e região), devido a inauguração do Terminal Metropolitano Luiz Bortolosso (Km 21), noticiado há pouco tempo pelo “Circular Avenidas” e compartilhado por nós (relembre aqui). E esta alteração obteve mais uma aprovação hoje, na Secretaria dos Transportes Metropolitanos.
Com isso, o seccionamento tarifário “S02” – Barueri (Jd. Julio) x SP (Barra Funda) também deixará de existir, e a linha terá mudança de horários. 
Além disso, outra alteração que foi publicada foi uma que altera a característica das linhas 840TRO e 850TRO para “linhas executivas”. Estas são linhas que ainda não entraram em operação. Ambas sairão do terminal do km 21 e terão como destino o Metrô Butantã e a Lapa, respectivamente. 
O serviço executivo atual, embora não esteja muito bem elucidado no site da EMTU, é um serviço que opera com ônibus rodoviários equipados com ar condicionado, sanitários e wi-fi, por exemplo; mas também já foi considerada “executiva” a linha 257TRO, que é a linha de ônibus urbanos que sai da estação Tatuapé e vai até o aeroporto de Guarulhos, do Airport Bus Service. 
Ônibus do serviço “Aeroporto Executivo”, que atende os aeroportos de Cumbica e Congonhas. Créditos na imagem.
Ônibus da linha 257TRO, que liga o Metrô Tatuapé ao aeroporto de Guarulhos. Linha já teve numeração de linha executiva, mas hoje consta como linha comum, que faz parte do serviço “Aeroporto Suburbano”. Veículo conta com ar condicionado, motor traseiro e estofado diferente nos assentos. Foto: Arquivo.

Há a possibilidade de que esta alteração seja uma maneira de diferenciar estas novas linhas (840 e 850) das demais linhas do sistema, e fazer com que operem apenas com veículos melhores (com ônibus urbanos equipados com ar condicionado e motor traseiro, por exemplo), como os novos biarticulados da Viação Osasco (veja fotos clicando aqui e aqui) – mas isto é apenas uma suposição nossa. 

Aguardemos os próximos capítulos destas alterações.
Compartilhe esta notícia:
Allef

Allef

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.