Cometa terá que deixar de vender passagens entre cidades do Vale do Paraiba

Cometa terá que deixar de vender passagens entre cidades do Vale do Paraiba

Foto: Divulgação/Renove Bus

No início do mês, noticiamos que a Cometa deixaria de vender passagens entre algumas cidades da Região Metropolitana de Sorocaba, a pedido da EMTU (relembre aqui). Desta vez, um novo pedido feito pela empresa estadual afetará passageiros do Vale do Paraiba.

Isso porque a EMTU (que é responsável pelo transporte por ônibus dentro de regiões metropolitanas) fez uma nova solicitação à ARTESP (que é responsável pelo transporte por ônibus fora de regiões metropolitanas e entre elas) para que a Viação Cometa deixe de vender passagens para viagens entre cidades dentro da Região Metropolitana do Vale do Paraiba e Litoral Norte na linha “Praia Grande x Aparecida” (Autos DER 9541). A ARTESP acatou pedido, em decisão publicada hoje no Diário Oficial do Estado de São Paulo.

Comparativo

Os trechos atualmente vendidos pela Cometa dentro do Vale do Paraiba, e que são atendidos pela linha citada no começo desta matéria, compreendem as cidades de Taubaté, São José dos Campos e Caçapava. Pegando como exemplo uma viagem entre Taubaté e Aparecida, pela Cometa, atualmente sai por R$16,90, com paradas em São José dos Campos e Caçapava. Pela Pássaro Marron, que é a empresa que opera esse trecho pela EMTU, há três linhas que fazem este percurso. Nas mais baratas delas (5305 e 5306), a passagem sai por R$13,25. Na mais cara (a 5401), a passagem sai por R$17,25.

Na mesma publicação, a ARTESP autorizou a Cometa a criar uma seção na Vila Mirim, em Praia Grande. A Cometa tem 15 dias para acatar ambas as determinações. Lembrando que a empresa poderá continuar vendendo normalmente passagens entre as cidades da Baixada Santista e Mogi das Cruzes e destas para as cidades do Vale do Paraiba.

Compartilhe esta notícia:
Allef

Allef

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.